terça-feira, 21 de junho de 2016

Análise financeira da empresa Perdigão

Para efeito de exemplificação, apresentaremos neste tópico a análise dos Balanços que fizemos sobre os demonstrativos Balanço patrimonial e Demonstração do Resultado do Exercício da Perdigão S.A.

Balanço Patrimonial da Perdigão S/A em 2005 e 2004:
Perdigão S.A.
Em milhares de reais
Ativo
Controlada
Consolidado

2005
A V %
2004
A V %
AH %
2005
A V %
2004
A V %
AH%
CIRCULANTE










CAIXA E EQUIVALENTES A CAIXA
28,00
0%
61,00
0%
-54%
778.594,0
21%
212.638,0
8%
266%
APLICAÇÕES FINANCEIRAS
0,00
0%
0,00
0%
0%
39.088,00
1%
51.025,00
2%
-23%
CONTAS A RECEBER DE CLIENTES
0,00
0%
0,00
0%
0%
555.708,0
15%
524.430,0
19%
6%
DIVIDENDOS E JUROS SOBRE CAPITAL PRÓPRIO
70.788,00
5%
39.143,00
4%
81%
0,00
0%
0,00
0%
0%
ESTOQUES
0,00
0%
0,00
0%
0%
646.081,00
18%
580.580,00
21%
11%
IMPOSTOS A RECUPERAR
22.053,00
2%
11.993,00
1%
84%
83.232,00
2%
90.781,00
3%
-8%
IMPOSTOS SOBRE A RENDA DIFERIDOS
1.128,00
0%
9,00
0%
12433
5.911,00
0%
18.873,00
1%
-69%
OUTROS DIREITOS
298,00
0%
240,00
0%
24%
79.993,00
2%
65.831,00
2%
22%
TOTAL DO ATIVO CIRCULANTE
94.295,00
7%
51.446,00
5%
83%
2.188.607,
60%
1.544.158,
55%
42%











REALIZÁVEL A LONGO PRAZO










CRÉDITOS COM EMPRESAS LIGADAS
0,00
0%
0,00
0%
0%
0,00
0%
0,00
0%
0%
APLICAÇÕES FINANCEIRAS
0,00
0%
0,00
0%
0%
91.638,00
3%
134.010,0
5%
-32%
TÍTULOS A RECEBER
0,00
0%
0,00
0%
0%
38.395,00
1%
39.756,00
1%
-3%
IMPOSTOS A RECUPERAR
0,00
0%
0,00
0%
0%
18.198,00
1%
27.663,00
1%
-34%
IMPOSTOS SOBRE A RENDA DIFERIDOS
138,00
0%
238,00
0%
-42%
47.761,00
1%
31.710,00
1%
51%
DEPÓSITOS JUDICIAIS
0,00
0%
0,00
0%
0%
17.761,00
0%
16.307,00
1%
9%
CONTAS A RECEBER DE CLIENTES
0,00
0%
0,00
0%
0%
10.502,00
0%
10.439,00
0%
0%
OUTROS DIREITOS
0,00
0%
4,00
0%
-100%
3.729,00
0%
665,00
0%
461%
Total do RLP
138,00
0%
242,00
0%
-43%
227.984,0
6%
260.550,0
9%
-12%











PERMANENTE










INVESTIMENTOS
1.199.549,
93%
961.583,0
95%
25%
15.616,00
0%
488,00
0%
3100
IMOBILIZADO
0,00
0%
0,00
0%
0%
1.106.726,
30%
918.479,0
33%
20%
DIFERIDO
0,00
0%
0,00
0%
0%
93.828,00
3%
76.469,00
3%
23%
Total do permanente
1.199.549,
93%
961.583,0
95%
25%
1.216.170,
33%
995.436,0
36%
22%











TOTAL DO ATIVO
1.293.982,
100
1.013.271,
100
28%
3.632.761,
100
2.800.144,
100
30%






















Passivo
Controlada
Consolidado

2005
A V %
2004
A V %
AH %
2005
A V %
2004
A V %
AH%
CIRCULANTE










EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS
0,00
0%
0,00
0%
0%
548.664,0
15%
706.824,0
25%
-22%
FORNECEDORES
15,00
0%
5,00
0%
200%
332.573,0
9%
327.128,0
12%
2%
SALÁRIOS E OBRIGAÇÕES SOCIAIS
696,00
0%
477,00
0%
46%
102.815,0
3%
84.335,00
3%
22%
OBRIGAÇÕES TRIBUTÁRIAS
1.099,00
0%
643,00
0%
71%
27.345,00
1%
28.873,00
1%
-5%
DIVIDENDOS E JUROS SOBRE CAPITAL PRÓPRIO
59.007,00
5%
37.603,00
4%
57%
59.007,00
2%
37.603,00
1%
57%
PARTICIPAÇÕES DOS ADM E FUNCIONÁRIOS
0,00
0%
0,00
0%
0%
37.956,00
1%
32.154,00
1%
18%
DÉBITOS COM EMPRESAS LIGADAS
7.426,00
1%
1.728,00
0%
330%
0,00
0%
0,00
0%
0%
OUTRAS OBRIGAÇÕES
15,00
0%
0,00
0%
0%
21.550,00
1%
18.971,00
1%
14%
TOTAL DO PASSIVO CIRCULANTE
68.258,00
5%
40.456,00
4%
69%
1.129.910,
31%
1.235.888,
44%
-9%






















EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS
0,00
0%
0,00
0%
0%
0,00
0%
0,00
0%
0%
OBRIGAÇÕES SOCIAIS E TRIBUTÁRIAS
0,00
0%
0,00
0%
0%
1.125.374,
31%
464.697,0
17%
142%
IMPOSTOS SOBRE A RENDA DIFERIDOS
0,00
0%
0,00
0%
0%
1.152,00
0%
16.554,00
1%
-93%
PROVISÃO PARA CONTINGÊNCIAS
509,00
0%
509,00
0%
0%
19.465,00
1%
1.882,00
0%
934%
OUTRAS OBRIGAÇÕES
0,00
0%
0,00
0%
0%
133.524,0
4%
111.003,0
4%
20%
TOTAL DO PASSIVO NÃO CIRCULANTE
509,00
0%
509,00
0%
0%
1.279.515,
35%
594.136,0
21%
115%











PATRIMÔNIO LÍQUIDO










CAPITAL SOCIAL REALIZADO
800.000,0
62%
490.000,0
48%
63%
800.000,0
22%
490.000,0
17%
63%
RESERVAS DE LUCROS
426.030,0
33%
483.121,0
48%
-12%
423.610,0
12%
480.935,0
17%
-12%
AÇÕES EM TESOURARIA
(815,00)
0%
(815,00)
0%
0%
(815,00)
0%
(815,00)
0%
0%
PARTICIPAÇÃO DE ACIONISTAS MINORITÁRIOS
0,00
0%
0,00
0%
0%
0,00
0%
0,00
0%
0%
TOTAL DO PATRIMÔNIO LÍQUIDO
1.225.215,
95%
972.306,0
96%
26%
1.222.795,
34%
970.120,0
35%
26%











Total do P e PL
1.293.982,
100
1.013.271,
100
28%
3.632.220,
100
2.800.144,
100
30%
Demonstração de resultados da Perdigão S/A em 2005 e 2004:
Demonstração do Resultado da Perdigão S.A.
Em milhares de reais

Controlada
Consolidado

2005
AV %
2004
AV %
AH %
2005
AV %
2004
AV %
AH%











RECEITA OPERACIONAL BRUTA
0,00
0%
0,00
0%
0%
5.873.297,0
114
5.567.291,0
114
5%
Vendas no mercado interno
0,00
0%
0,00
0%
0%
3.035.826,0
59%
2.840.057,0
58%
7%
Vendas no mercado externo
0,00
0%
0,00
0%
0%
2.837.471,0
55%
2.727.234,0
56%
4%











Deduções de vendas
0,00
0%
0,00
0%
0%
(728.121,0)
-14
(684.037,0)
-14
6%











RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA
0,00
0%
0,00
0%
0%
5.145.176,0
100
4.883.254,0
100
5%
Custo das vendas
0,00
0%
0,00
0%
0%
(3.685.910,)
-72
(3.532.385)
-72
4%











LUCRO BRUTO
0,00
0%
0,00
0%
0%
1.459.266,0
28%
1.350.869,0
28%
8%
RECEITAS (DESPESAS) OPERACIONAIS










Vendas
0,00
0%
0,00
0%
0%
(845.643,0)
-16
(790.818,0)
-16
7%
Gerais e administrativas
(1.332,0)
0%
(1.222,0)
0%
9%
(56.897,00)
-1%
(54.116,00)
-1%
5%
Honorários dos administradores
(3.483,0)
0%
(2.834,0)
0%
23%
(9.506,00)
0%
(7.652,00)
0%
24%
Financeiras líquidas
4.028,00
0%
5.698,00
0%
-29%
(82.726,00)
-2%
(117.789,0)
-2%
-30
Resultado de investimentos em controladas
360.962,
0%
284.754,
0%
27%
0,00
0%
0,00
0%
0%
Outros resultados operacionais
6,00
0%
47,00
0%
-87%
(8.911,00)
0%
(8.579,00)
0%
4%











LUCRO OPERACIONAL
360.181,
0%
286.443,
0%
26%
455.583,00
9%
371.915,00
8%
22%
Resultado não operacional
(1,00)
0%
(26,00)
0%
-96%
(4.457,00)
0%
(3.480,00)
0%
28%











LUCRO ANTES DOS IMPOSTOS E PARTICIPAÇÕES
360.180,
0%
286.417,
0%
26%
451.126,00
9%
368.435,00
8%
22%
Imposto de renda e contribuição social
1.018,00
0%
(7,00)
0%
-14643
(62.528,00)
-1%
(47.334,00)
-1%
32%
Participação dos funcionários no lucro
0,00
0%
0,00
0%
0%
(22.777,00)
0%
(19.060,00)
0%
20%
Participação dos administradores
0,00
0%
0,00
0%
0%
(4.857,00)
0%
(6.422,00)
0%
-24%











LUCRO LÍQUIDO DO EXERCÍCIO
361.198,
0%
286.410,
0%
26%
360.964,00
7%
295.619,00
6%
22%











LPA NO FINAL DO EXERCÍCIO - R$
8,12
0%
6,43
0%
26%
0,00
0%
0,00
0%
0%



      Análise vertical e horizontal da Perdigão S/A:

        Dívidas de curto prazo da empresa contra capital de giro:

A Perdigão S/A aumentou quase 70% o montante de suas dívidas de curto prazo, que entre as quais se destacam pela representatividade os dividendos e juros (menos de 5% do total do capital investido) sob a ótica do balanço da controladora. Se observar sob o lado do balanço consolidado, a empresa demonstrou queda de obrigações de curto prazo.
No lado do ativo circulante estão ainda menos recursos da empresa, com exceção apenas dos dividendos e juros sobre capital próprio, em 5% na controladora e menos de 1% no grupo consolidado Perdigão. Aqui fica clara a relação origem – aplicação da conta “dividendos e juros sobre capital próprio, que representa a maior fatia no capital circulante da empresa.
Do lado de ativo apresentou aumento de 4%, ao passo que no passivo, algo perto de 4 a 5% na controladora. Logo, tem-se uma origem de curto prazo financiada com recursos de curto prazo.
Ainda sobre o passivo circulante cabe mencionar a respeito da conta “débitos com empresas ligadas”, que embora não tenham relevância dentro do grupo passivo apresentaram a segunda maior representatividade dentro do passivo circulante.



      Estrutura dos estoques da empresa.

No que tange ao capital da empresa aplicado em estoques pode-se dizer que durante o ano de 2004 ao de 2005 a Perdigão controladora praticamente não teve movimento. , ao contrário do grupo que não só apresenta essa conta como também, esta representa a segunda maior fatia de aplicações no circulante, um total de 21 e de 18% do montante de ativos, respectivamente para os anos de 2004 e de 2005.
Fica clara uma diminuição de estoques, que pode a princípio designar ou uma redução de produção u mesmo, uma toca por novos investimentos no curto prazo, daí como exemplo, os valores de “impostos a recuperar, a terceira conta com maior representatividade do ativo circulante.
Cabe lembra que são dois balanços distintos: um do grupo com dados consolidados e outro, com dados apenas da unidade controladora. Se o objetivo deste trabalho fosse fazer a análise de balanços por meio de índices seriam utilizados apenas os demonstrativos com dados consolidados, uma vez que apresentam a informação conjunta do grupo, e não apenas da unidade que exerce o poder de controle.
Nesta unidade, aparece claramente que não investe em estoques, mas lembramos que por ser um grupo, os materiais e produtos que precisa são negociados com as outras empresas membros do grupo.
Sob este aspecto podemos confirmar a presença dos valores da conta “débitos com empresas ligadas”, que aparece no passivo e apresenta a segunda maior representatividade dentro do passivo circulante.
Capital de giro e capital circulante líquido.
Para a demonstração das relações que envolvem o capital circulante líquido mais uma vez, optou-se por utilizar a informação disposta em quadro:
Formação do Capital Circulante Líquido da Perdigão S/A

Controladora

Consolidado

Contas
2004
2005
Variação %
2004
2005
Variação %
Ativo Circulante
51.446,00
94.295,00
83,29%
1.544.158,00
2.188.607,00
41,73%
Passivo Circulante
40.456,00
68.258,00
68,72%
1.235.888,00
1.129.910,00
-8,58%
CCL
10.990,00
26.037,00
136,92%
308.270,00
1.058.697,00
243,43%
Segundo quadro acima, a Perdigão S/A , assim como ocorreu com a Sadia, também apresentou diminuição de seu capital de terceiros de curto prazo, mas apenas do lado do balanço com dados consolidados, em 8,58%. As contas de ativo circulante e passivo circulante apresentaram um drástico aumento no lado controlador e quase 50% no ativo circulante consolidado. Com isso dá para concluir que a empresa tem certamente, caixa para o pagamento de suas dívidas mais urgentes e em posição melhor que a concorrente Sadia, que apenas para lembrar apresentou queda no CCL.



      Estrutura de capital da empresa

A Perdigão S/A apresenta a seguinte estrutura de capital:
Estrutura de capital - consolidado
Tipo
2004
AV
2005
AV
AH
Terceiros
3.947.809,00
68,95%
4.297.360,00
65,88%
8,85%
Próprio
1.778.008,00
31,05%
2.225.465,00
34,12%
25,17%
Total
5.725.817,00
100,00%
6.522.825,00
100,00%
113,92%
Segundo os cálculos, a Sadia S/A manteve praticamente estável durante os anos pesquisados, o que indica que não tentou inovar com algum investimento grande. Nota-se, apesar disso, que a organização optou por aumentar a participação de seu capital próprio, sem diminuir a representatividade de capital externo.



      Distribuição do capital de terceiros

Partindo da análise sobre os demonstrativos da controladora percebe-se que a empresa diminuiu a participação de capital de terceiros no curto prazo (queda de 5,14% contra aumento de 31,08% no longo prazo). Isso indica toca de dívidas mais rápidas por investimentos maiores e que serão cobrados com o passar dos anos. O que deixa esse movimento visível é a diminuição de contas como contratos futuros (em 100%), acompanhado de empréstimos e financiamentos (32,81%), que contrastam com os adiantamentos feitos a controlada e que devem ser pagos no curto prazo, um aumento de 229,72%.
Esse último dado revela que a Sadia controladora tem procurado recursos entre as empresas do próprio grupo.



      Imobilização do capital.

A empresa imobilizou respectivamente para a controladora em 2004 e 2005, 21,81 e 27,41%, um aumento de 41,20%. Entre o grupo Permanente, houve aumento de mais de 40% da controladora contra quase 50% do grupo Sadia. Os aumentos no Permanente contrastam contra as diminuições de capital de giro e de realizável a longo prazo da controladora.



      Direitos que a empresa vai realizar no longo prazo.

Ainda sob a perspectiva dos recursos de longo prazo, a empresa apresenta-se com uma parcela de 10,65% e 8,20% para a controladora e de 9,49% e 6,11% para o grupo, respectivamente para os anos de 2004 e 2005. Como se observa, a empresa preferiu diminuir seu o leque que direitos realizáveis no longo prazo. Inicialmente de deduz que a empresa está investindo mais no seu permanente e utiliza para isso parte do circulante e de terceiros de longo prazo.



      Despesas mais relevantes.

Os maiores gastos da empresa estão justamente no custo do produto vendido (CPV), tanto sob a ótica da controladora quanto do grupo e tanto do ano de 2004 quanto ao de 2005. Esta mesma conta comportou-se de maneira estável ao longo dos anos estudados se comparada as outras despesas da DRE, aumentando sua participação em 21,95% na demonstração da controladora e em 19,02% para o grupo consolidado da Sadia. Nota-se que mesmo com o aumento do CPV o lucro bruto manteve-se com alta, embora inferior. Isso se deve ao aumento de vendas nos anos, e em especial, nas vendas para o mercado interno que representou 59,54% da Receita Operacional Líquida para a controladora em 2005 e 58,10% para o grupo consolidado, ambos em 2005. Percebe-se ainda que na controladora a participação foi maior, o que deve ao fato de esta empresa estar livre para vender para o mesmo grupo.
Indicadores da Perdigão controladora:
Variações ocorridas na DRE da Perdigão - Controladora
Conta
Em 2004
Em 2005
Variação %
ROL
0,00
0,00
0,00
LAJIR
286.443,00
360.181,00
25,74
Resultado financeiro
5.698,00
4.028,00
-29,31
Lucro Líquido
286.410,00
361.198,00
26,11
LPA (para 100 ações)
6,43
8,12
26,28
Graus de alavancagem da Perdigão controladora:
Graus de alavancagem da Perdigão - Controladora
Descrição
Equação
Números
Resultado
Conceito
GAO
LAJIR
25,74
0,00
Deficiente

ROL
0,00







GAF
LPA
26,28
1,02
Eficiente

LAJIR
25,74







GAT
LPA
26,28
0,00
Deficiente

ROL
0,00


Indicadores consolidados da Perdigão:
Variações ocorridas na DRE da Perdigão - Consolidado
Conta
Em 2004
Em 2005
Variação %
ROL
4.883.254,00
5.145.176,00
5,36
LAJIR
489.704,00
538.309,00
9,93
Resultado financeiro
-117.789,00
-82.726,00
-29,77
Lucro Líquido
295.619,00
360.964,00
22,10
LPA estipulado
6,64
8,11
22,27
Graus de alavancagem consolidados da Perdigão:
Graus de alavancagem da Perdigão - Consolidados
Descrição
Equação
Números
Resultado
Conceito
GAO
LAJIR
9,93
1,85
Eficiente

ROL
5,36







GAF
LPA
22,27
2,24
Eficiente

LAJIR
9,93







GAT
LPA
22,27
4,15
Eficiente

ROL
5,36


Conclusão com comparação: Sadia x Perdigão
Tipo de demonstrativo
Empresas e
Sadia S/A
Perdigão S/A
Resultado melhor
Indicadores
Controladora
GAO
1,11
0,00
Sadia S/A
Consolidado
GAO
1,96
1,85
Sadia S/A
Controladora
GAF
2,30
1,02
Sadia S/A
Consolidado
GAF
1,55
2,24
Perdigão S/A
Controladora
GAT
2,55
0,00
Sadia S/A
Consolidado
GAT
3,05
4,15
Perdigão S/A