domingo, 1 de janeiro de 2017

Criando formulários preenchíveis no Writer

O formato PDF é muito popular para documentos que não exigem ou que se pretenda que não sejam feitas alterações. Quantas vezes, na época de minha graduação, procurei arquivos em PDF de monografias, teses e dissertações na internet e quando tentava copiar o seu conteúdo, parágrafo por parágrafo, não conseguia visto que o texto estava protegido contra cópias. No entanto, é possível criar arquivos em formato PDF que não só permitam alterações mas que sejam salvos e é isso que apresentaremos neste tópico: a criação de formulários em PDF editáveis. São questões de informática e tecnologia que podem ajudar muito nossas vidas no trabalho.

O presente tópico foi baseado no texto elaborado por Daniel Rodriguez1 para a edição número 10 da revista LibreOffice Magazine, edição de abril de 2014.
Você já deve ter visto arquivos PDF (daqueles que geralmente são estáticos, apenas para modo de leitura e a maioria que permite cópias de textos) que incluem formulários com campos que podem ser preenchidos e salvos. Este artigo vai mostrar uma maneira fácil de fazer isso e de forma gratuita e a ferramenta que utilizaremos é o LibreOffice Writer, ferramenta de edição de documentos da suíte concorrente ao Microsoft Office Word, que é paga.
Assumindo que o LibreOffice já está instalado no seu PC e que você não é daqueles que torcem o nariz para esta excelente suíte sem ter testado antes, vamos ao passo a passo. Começamos por criar um novo documento no LibreOffice Writer e na sequência, levamos o mouse até o menu Exibir > Barra de ferramentas > Controle de formulário.
Essa ação adiciona a barra de ferramentas Controles de formulário na área de trabalho do Writer, ou seja, teremos assim uma barra de ferramentas com os botões que permitem que arrastemos e soltemos os vários campos de formulário no nosso novo documento.
Agora clicando e arrastando a Caixa de texto para o documento será possível dimensioná-la para ser um campo de entrada de uma linha ou uma caixa de texto de várias linhas. Podemos assim usar nossa criatividade e inserir vários campos (em sua maioria caixas de textos) e caixas de seleção (com aqueles círculos para marcação).
Em seguida, procedemos com um clique com o botão direito do mouse sobre a caixa de texto selecionada e escolhemos Controle. Isso abrirá a janela Propriedades: Caixa de texto. É na aba Geral que editaremos os metadados da caixa de texto, como o Nome, Campo de rótulo, Tamanho máx. do texto, etc.
Podemos ainda adicionar Eventos e atribuir ações quando, por exemplo, o campo em questão receber foco, ou perder o foco, ou ainda quando alguma tecla for pressionada etc.
Para o campo de Observações, devemos marcar que queremos que possa ter o preenchimento de várias linhas, na opção tipo de texto. Isso permitirá que o texto seja quebrado, isto é, que vá para a linha de baixo ao acabar o espaço horizontal do campo da caixa de texto.
Quando concluir o documento e todas as nossas configurações vamos passar para o processo de exportação do texto para PDF. Só que não clicaremos no ícone do salvar em PDF, mas iremos em Arquivos > Exportar como PDF. Na aba Geral, sessão Geral marcamos a opção Criar formulário PDF. Para envio de dados o formato comumente utilizado é o FDF, mas também dá para selecionar PDF, HTML ou XML também.
Clicamos em Exportar para a criação do formulário PDF.
Em seguida abrimos o arquivo PDF que acabamos de exportar no nosso visualizador de PDF (que pode ser qualquer um) para testá-lo. Preenchemos então o formulário e o salvamos.
Em seguida, o fechamos e o reabrimos novamente para ver se os dados ficaram registrados e se tudo foi feito corretamente, nossos dados estão intactos.
Não é simples? E é isso. Com isso terminamos mais uma dica de o que podemos fazer com o LibreOffice, comprovando assim toda a sua competência para nos servir como suíte de escritório completa para qualquer ocasião.
Dica: Se no seu visualizador de PDF, você não achar o botão para salvar o formulário que acabou de preencher, clique Control + S.

1Daniel Rodriguez - Argentino residente em Misiones. Colabora com a comunidade hispânica do LibreOffice, mantêm o site, e ajuda nas listas de discussão respondendo perguntas, entre outras coisas. Mantêm o site Escuelas Libres projetado para coletar informações e experiências relacionadas com a cultura livre na educação. E-mail:drodriguez@escuelaslibres.org.ar.