sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Alterada a resolução CFC NBC TG 1000


Notícia: alteração na resolução CFC NBC TG 1000, da contabilidade para Pequenas e Médias Empresas.


Na íntegra temos o que diz o próprio texto:

NBC TG 1000 (R1) – CONTABILIDADE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS
A letra R mais o número que identifica sua alteração (R1, R2, R3, ...) foram adicionados à sigla da norma para identificarem o número da consolidação e facilitarem a pesquisa no site do CFC. A citação desta norma em outras normas é identificada pela sua sigla sem referência a R1, R2, R3, pois essas referências são sempre da norma em vigor, para que, em cada alteração da norma, não haja necessidade de se ajustarem as citações em outras normas.
 
Seção
Sumário

INTRODUÇÃO
Seção 1
PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS
Seção 2
CONCEITOS E PRINCÍPIOS GERAIS
Seção 3
APRESENTAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS
Seção 4
BALANÇO PATRIMONIAL
Seção 5
DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO E DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO ABRANGENTE
Seção 6
DEMONSTRAÇÃO DAS MUTAÇÕES DO PATRIMÔNIO LÍQUIDO E DEMONSTRAÇÃO DE LUCROS OU PREJUÍZOS ACUMULADOS
Seção 7
DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS DE CAIXA
Seção 8
NOTAS EXPLICATIVAS ÀS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS
Seção 9
DEMONSTRAÇÕES CONSOLIDADAS E SEPARADAS
Seção 10
POLÍTICAS CONTÁBEIS, MUDANÇA DE ESTIMATIVA E RETIFICAÇÃO DE ERRO
Seção 11
INSTRUMENTOS FINANCEIROS BÁSICOS
Seção 12
OUTROS TÓPICOS SOBRE INSTRUMENTOS FINANCEIROS
Seção 13
ESTOQUES
Seção 14
INVESTIMENTO EM CONTROLADA E EM COLIGADA
Seção 15
INVESTIMENTO EM EMPREENDIMENTO CONTROLADO EM CONJUNTO (JOINT VENTURE)
Seção 16
PROPRIEDADE PARA INVESTIMENTO
Seção 17
ATIVO IMOBILIZADO
Seção 18
ATIVO INTANGÍVEL EXCETO ÁGIO POR EXPECTATIVA DE RENTABILIDADE FUTURA (GOODWILL)
Seção 19
COMBINAÇÃO DE NEGÓCIOS E ÁGIO POR EXPECTATIVA DE RENTABILIDADE FUTURA (GOODWILL)
Seção 20
OPERAÇÕES DE ARRENDAMENTO MERCANTIL
Seção 21
PROVISÕES, PASSIVOS CONTINGENTES E ATIVOS CONTINGENTES
Apêndice
Guia sobre reconhecimento e mensuração de provisão
Seção 22
PASSIVO E PATRIMÔNIO LÍQUIDO
Apêndice
Exemplos de tratamento contábil para o emissor de instrumento de dívida conversível
Seção 23
RECEITAS
Apêndice
Exemplos de reconhecimento de receita
Seção 24
SUBVENÇÃO GOVERNAMENTAL
Seção 25
CUSTOS DE EMPRÉSTIMOS
Seção 26
PAGAMENTO BASEADO EM AÇÕES
Seção 27
REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE ATIVOS
Seção 28
BENEFÍCIOS A EMPREGADOS
Seção 29
TRIBUTOS SOBRE O LUCRO
Seção 30
EFEITOS DAS MUDANÇAS NAS TAXAS DE CÂMBIO E CONVERSÃO DE DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS
Seção 31
HIPERINFLAÇÃO
Seção 32
EVENTO SUBSEQUENTE
Seção 33
DIVULGAÇÃO SOBRE PARTES RELACIONADAS
Seção 34
ATIVIDADES ESPECIALIZADAS
Seção 35
ADOÇÃO INICIAL DESTA NORMA

GLOSSÁRIO DE TERMOS



Link para baixar a resolução:


Nas próximas postagens trataremos detalhadamente de pontos indispensáveis dessa alteração. Confiram.